domingo, 9 de dezembro de 2012

Ex-blogueiro?

Por Erlon Andrade 

Ou acreditamos no que fazemos, ou então seria melhor nem ter começado! Se você se considera um ex blogueiro, tenho algo muito sério para te dizer:  

- A realidade é simples, você nunca foi um blogger, apenas ocupou uma página na internet. 

Começou com todo o ardor, com toda a audácia, vontade de escrever. Mas foi desanimando com o tempo, parou de postar matérias, ter criatividade ao se expressar. O blog deixou de ter conteúdo. 

Muitas vezes levamos em consideração o que os outros acham sobre nossos textos. Começamos a querer números e nisso deixamos de ter qualidade. Outros acreditam que o blogueiro escreve apenas sobre a própria vida, poesia etc. O blog é muito mais que um diário pessoal. 

Quem se dispõe a escrever e expressa suas idéias, realmente demonstra que está vivo, pensa! E assim é alguém que merece respeito. 

Alguns usam o blog para falar sobre religião, política, circo, carros. O mais importante é que ao escrevermos usemos de respeito e ética. O nosso direito termina quando o direito do outro começa. Seja lá o que for que venhamos a escrever, que o leitor venha aprender algo com os textos escritos. Que aprendam coisas boas e é claro, se mantenham informados.


 _________ 

Nota do blog: Eu, Eliseu, penso que se uma pessoa começa a blogar e pára, devemos observar os motivos. Existem mil motivos para ela parar, inclusive alguns fatores são até mais fortes do que a vontade dela continuar blogando. Exemplos: a falta de saúde; a falta de tempo; questões econômicas; questões geográficas (não é em todos os lugares que há um ponto de conexão para Internet).

Nenhum comentário: